Witzel dá cargo de diretor do Procon a maior doador individual da campanha

O governador do Rio, Wilson Witzel, nomeou para o cargo de diretor jurídico da Autarquia de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-RJ) o maior doador individual de sua campanha nas eleições do ano passado (excluindo-se o próprio Witzel), o advogado Fabio Picanço de Seixas Loureiro. De acordo com o site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Picanço colaborou com R$ 120 mil, ou 4,18% do total de R$ 2,872 milhões arrecadados.

A maior parte das receitas usadas na campanha do ex-juiz federal veio do Diretório Nacional de seu partido, o PSC: R$ 1,841 milhão, ou 64,11% do total. Em seguida, veio Witzel, que entrou com R$ 215 mil do próprio bolso. O valor, inclusive, chegou a gerar polêmica na corrida pelo governo pois o ex-magistrado não havia declarado ao TSE nenhuma quantia em dinheiro entre seus bens. À época, ele disse à Folha que, nomento do registro da candidatura no tribunal, sua conta estava zerada.

Logo após Witzel, veio Fabio Picanço, com os R$ 120 mil doados através de transferência eletrônica. Outras duas pessoas próximas a ele também colaboraram com a campanha do atual governador. Marcus Vinicius Garcia Gregores deu R$ 50 mil. Ele já foi sócio do advogado no escritório Picanço, Gregores & Advogados. Atualmente, segundo o site da Receita Federal, a empresa chama-se apenas Picanço Advogados, e tem como sócios Fábio e Robson Loureiro Fernandes.

Outro doador, que colaborou com R$ 15 mil, foi Antonio Cesar Boller Pinto, que é sócio de Picanço na empresa Melman, Vianna e Boller Consultores Associados.

Advogados da campanha nomeados

Além do seu maior doador individual de campanha, nomeado no primeiro dia do novo governo, Witzel também já emplacou advogados que trabalharam para ele e seu partido durante o período eleitoral. Marcio Vieira Santos e Ari Longo Pereira, que atuaram, por exemplo, numa representação contra o adversário Eduardo Paes, são atualmente assessores nas secretarias da Casa Civil e de Obras, respectivamente.

*Foto em destaque: Governador Wilson Witzel durante cerimônia de posse na Alerj / Crédito: Divulgação/Governo do Estado

Deixe uma resposta